A conversa é mole, mas o papo é firme.

sexta-feira, agosto 22, 2008

Olinspiando

Tá chegando ao fim, mas ainda continuamos como observadores. Aliás, eu sempre acho estranho quando falam de "observadores internacionais" em guerras e outros conflitos humanos, como as olímpiadas.
Será que os caras ficam com bandeiras, como os juízes, dizendo se queimou, se encostou na rêde ou se estava impedido? Mistério.

Não sei alguém percebeu, mas teve uma hora na Globo que estavam transmitindo o futebronze e o voleiouro, cada um num pedaço de tela. O que estava transmitindo o futebol, chamou o Pé-frio Bueno, e passaram o áudio para o volei. Aí o Bueno tava falando "O que que a Band esta mostrando?"...corte rapidíssimo para o futebol.

Todo mundo sabe que muitas vêzes é melhor estar à media luz, para que os defeitos do tempo não venham a estragar um tête-à-tête, e assim sendo, acho que se usarmos esta técnica, uma medalha de bronze pode passar por ouro fácil fácil. Penumbra nos aeroportos, Ronaldinho.

Americanos e americanas não seguram direito no pau, pois deixaram cair os respectivos no revezamento 4xnão sei lá quantos.

E dizem que maconha entorpece e cocaína turbina. Onde estão os atletas colombianos e os bolivianos? Só dá jamaicano. Ou será que na largada, junto com o tiro, os técnicos gritam "ó os omi!"? Mas o povo do pó não deve largar bem, pois quando ouvem um tirinho, ao invés de defenderem suas cores, correm para o lado dos juízes que disparam. Essa é para entendidos, eu sei.

E a Maureen? Ela é de São Carlos, aqui ao lado de Riba, perto de Pir e parece filha da Regina Duarte. Mas sabem porque ela tem êsse nome? É uma homenagem do pai à Maureen, mulher do Ringo dos bítous. Verdade. E como é escrito em inglês, e certo (diferente dos suélen e maycon da vida), ninguém fala direito. É môrin, com pronúncia de um r só de piracibaca, e não rrrrr.

Mas embarcando em outra viagem, ao falar da Maureen original, que já se foi, 'tava lembrando de uma coisa: lá nos primórdios do roquenrou, os bítous eram os certinhos e os stones a pária auto-destrutiva.
Olha só aquelas coisas engraçadas que não tem graça nenhuma: já se foram a mulher do Macca, a do Ringo, o Lennon, o George, o Brian Epstein, o Mal Evans, Derek Taylor, caras da maior proximidade na carreira deles, enquanto que nos stones, de notório só o Brian Jones e o Ian Stewart que foi tirado da banda no começo porque era feio. Depois virou roadie e tocava nas turnês sem ser anunciado.
Também, ainda no quesito certinhos, uma das revelações do livro de Patty Boid, ex do George, é que o bítou quietinho, espiritual, religioso, teve um caso com a mesma Maureen, enquanto ela era mulher do Ringo.
Apesar que nos Stones, a tal Anita Pallenberg era namorada do Brian Jones, depois casou com o Keith Richards e teve um caso com o Jagger. Tutti buona gente. Enquanto isso, aqui no país tropical, se contar estas coisas, da processo...afff...

600 paus para encostar a barriga na grade para ver a Mandonna...bem feito...

4 comentários:

Lucindo disse...

Puisé, ontem, na TV Clube (nossa Band), fizeram uma matéria na casa da moça e o pai dela estava com uma camiseta com uma bela estampa dos Fab Four. Agora, quem será que errou no nome - puseram Maurren em vez de Maureen -, o pai, na emoção da primeira filha (acho eu) ou o poliglota do cartorário? A gente vê cada nome por aí que esses caras mereceriam ser presos.
Falando em Fab Four, há exatos 45 (!!!) anos era lançado o compacto "She Loves You / I'll Get You". O tempo passa, o tempo voa....

Monegheta disse...

O nome é escrito em todas as mídias Maurren. E agora?
Se eles têm 3 carros, a Maurren pode voar!

As mulheres foram com uma delegação maior nesta Olimpíada, e não fugiram à luta. Não provoque!

Vê só, não é só do lado debaixo do Equador que não existe pecado.

Pra ver Madonna, os 600 devem ser pagos somente com cartão de crédito/débito. O PROCON já está nas providências, pois considerou discriminatória a forma de comercialização dos ingressos. Oh meu Brasil!

Beijo e abraço!

Edna Costa disse...

serão dois shows em sampa

com procon ou sem procon

Norma Lima disse...

A Maureen foi sondada para posar nua. O bacana é que é quase quarentona, os padrões de beleza hoje em dia não estão mais ou apenas com as teens.
Aqui no Rio só se fala nos shows de Caetano Velosos com o Roberto Carlos e o de João Gilberto, este último estava uma simpatia, por sinal, no palco... Você iria curtir Cae&Roberto, mas não sei quanto a João Gilberto... mas a Bárbara Farniente adoraria, certamente, rever o João... Aliás, ele andou mandando listas de convidados para alguns jornalistas divulgarem, tanto aqui, como em São Paulo, tais com nomes (e apelidos) que ninguém conhecia ou associava aos indivíduos... esse João...
E o show da Madonna não sai por 600, sai por 720 por causa da taxa. Vixe...