A conversa é mole, mas o papo é firme.

sexta-feira, novembro 24, 2006

Trilogia de trêz

Agora já podemos respirar aliviados, pois foi encontrado o culpado pelo acidente aéreo. Um jovem de 20 anos, ouviram seus novinhos? Vocês são sempre os culpados. Não é a falta de treinamento, excesso de carga horária, falta de equipamento adeqüado, nada disso. São vocês mesmo.

E a imprensa em geral deve estar muito triste, pois outro dia tentaram linchar rapidinho o filho do casal de velhinhos que foi assassinado a facadas em Sampa, num assalto, mas não conseguiram, pois o verdadeiro criminoso se apresentou. Vários órgãos estudam em seus departamentos jurídicos, em como processar o criminoso, que se apresentou tão rapidamente, reduzindo drasticamente a veiculação de notícias e o lucro que isso geraria.
Então, meu caro meliante que por aqui passa: ao cometer um crime, seja mais ético e tente ocultar o máximo de tempo possível. Aprenda com os políticos, que fazem isso e ainda são eleitos novamente e de forma consagradora, não é tio Mal-uf?

E primeiro mundo é primeiro mundo , né gente? Uma inglêsa tirou os peitos para fora em um avião, lá no reino desunido, e quando seu bebê ia libidinosamente sugar aquelas fontes de prazer, a mãe foi devidamente expulsa do voô, por uma zelosa comissária de bordo. Espero que o avião ainda estivesse no chão. Em protesto, várias mães fizeram um mamaço em frente ao balcão da companhia que fez o ato, com seus peitos de fora, e seus bebes pendurados neles. Tinha muito marmanjo querendo ajudar no protesto.
Já aqui no nosso país isto jamais acontece, principalmente porque ninguém tem conseguido voar, não é mesmo?
Nos tempos da nossa querida dita-dura, as revistas e jornais não podiam exibir nem mamilos nem pelos púbicos ao público, seja em qualquer tipo de publicação, não só as masculinas. Mas de índios e negros, podia. Depois dizem que por aqui existe pré-conceito.

Alguém tem fotos do Gabeira ou do Caetano com aquelas sungas de crochê que marcaram a virada da liberação? Manda aí, a[que os novinhos precisam ver isso.
Minha amiga Maggie Richmond, que mora em Los Angeles, e que me ajudou nas pesquisas iniciais de RLML, achando dados sôbre os locais de onde vinham os Jones, nos States, viu os Rollins Stones na quarta-feira, véspera do dia de Ação de Graças. Ficou impressionada com o pique dos velhinhos. Com a grana que eles ganham por show, acho que eu também me entusiasmaria.

E aí vai a parte 3 de Ritz em versão globoníus, para quem não viu



Entrevista Rita Lee Globo News ( ainda com corte ) Parte3de3

5 comentários:

rubinhow disse...

"A montanha dos sete abutres",
já falei desse filme per te... fala sobre um jornalista que deixa um cara "enterrado vivo" uma semana pra poder vender jornal...

bem a sua cara, década de 50, pb, cult, etc...

abs sir

Norma Lima disse...

É meu amigo Bart, os críticos passarão e Rita passarinho, parodiando Mário Quintana.
E ela não perdeu a mania de morder a pelezinha dos dedos... percebeu?
Tiraram a parte que ela fala do rodeio... por quê?

Normitz, sempre alerta, com medo do AI-6 >..<

fernanda lee disse...

..tiraram a parte que ela fala do rodeio porque terá em breve uma "Ameleca2" ops .. "América2" .. Bartz hoje estou que nem vc .. pessima de digitação ... ahahahahhahahah
por falar em rodeios depois que criei a comunidade :" Odeio Rodeio e Amo a Rita Lee" não paro de receber visitas de “cowboys” no meu perfil.. "organizadores do horror" .. aff ff.. écaaaaa ...

e o neném ???.. buáááááááaááááááááááááááááááá ...

cariocas .. me aguardem que eu to chegando ... ehehehe

bxuxuxuxuxuxuxuxux ..
f.lee

Denise disse...

Bom bom assistir assim!!! Gostei do que vi... mas, ei? Será que ninguém havia percebido que não era ela que dançava com o Rezedá no Baila Comigo? hahahahaha... Cara, impossível... ainda mais quando os bailarinos estão girando e talz e ela manda: "ai ui uaaahhh, tô zonza!" Hehehehe... adorooooooooo!!!

Ai, essas outras coisas chatinhas do mundo eu nem vou comentar nada... tô meio de saco cheio! Mas, o protesto das tetas foi hilário! Falando sério, atitudes assim são o que fazem acontecer... Enfim...

Ah, hj, 15 anos sem Freddie Mercury. Eu gosto muito muito muito e sempre me lembro desta data. Me lembro do dia em que ele morreu como se fosse ontem... eu tinha uns 8 anos de idade e pá... Passavam flashs de 23,8 em 23,8 segundos no Famplástico. Eu sei que ele foi citado em outro post e pá, mas vai aqui mesmo. Tá.

Beijo!

Edna disse...

Juro que tentei, mas não consegui encontrar a tal foto. Vi uns dois ou três anos atrás na Veja, mas como recebi luzes divinas que clarearam a minha mente, cancelei a assinatura e não tenho mais acesso ao conteúdo. Uma pessoa me disse que existem pelo menos 40 edições onde é citado o nome do deputado. Quem estiver à toa, habilite-se.

beijão!