A conversa é mole, mas o papo é firme.

sexta-feira, janeiro 26, 2007

Cruise Credo

Finalizando esta pequena viagem ao mundo da mente, vamos a um outro fator que volta e meia mostra sua cabeça horrível.

L. Ron Hubbard fazia histórinhas em quadrinhos e ficção científica, nos states claro na década dos 1940. No começo dos anos 1950 lançou um livro chamado Dianética: A ciência moderna da saúde mental.

Hubbart criou o conceito de "auditar", que é um bate papo entre duas pessoas, com perguntas e respostas, e que é uma terapia que foca em memórias tristes e dolorosas. De acordo com Hubbard, uma "auditoria dianética" pode eliminar problemas emocionais, curar doenças físicas e aumentar a inteligência.
Modestamente, Hubbard diz na introdução do livro, que "a criação da Dianética é um passo para a huminade comparavel à descoberta do fogo e superior à invenção da roda e do arco".

Na verdade, Dianética apareceu em 1949 como um livro de ficção. Logicamente, quando virou livro "científico" a comunidade científica deu o berro, pois não tinha nenhum fundamento plausivel para os conceitos dianéticos, e futuras observações mostraram que o próprio autor era muito controverso e não seguia em nada seus próprios ensinamentos.
Em 1952, Hubbard elevou a Dianética a "técnica milenar", e colocou o nome de , adivinhem? Cientologia. Na seqüencia lógica dos acontecimentos, em 1953, fundou a Igreja da Cientologia. Exatamente esta que vocês ouvem falar quando citam Tom Cruise e John Travolta.
Hoje esta igreja se expande por todo o mundo, inclusive aqui na terra de dna Marisa, sempre no meio de endinheirados, e promete tudo o que foi dito no Dianética. Quando mais grana o adepto tiver, ou seja, doar, mais ele progride, tendo acesso a reuniões e revelações que são para poucos.

Para entender melhor, uns princípios de Dianética.
Quem pretende ser curado, chama-se preclear.
É dito que são estes dez princípios que devem ser mantidos para que a tecnologia da Dianética faça com que se adquira uma atitude mais positiva. Lembrem-se que são duas pessoas conversando, sendo que uma vai "auditorar" e a outra é o "preclear". Agora vai bem resumido:

1- Assegure ao preclear que ele saberá tudo o que acontece. "Agora vamos começar a sessão. Permanecerá consciente de tudo. Será Capaz de se lembrar de tudo. Poderá sair de qualquer coisa, se não gostar".

2-Faça com que o preclear feche os olhos. "Feche os olhos, quando pronunciar a palavra 'cancelado'. Compreende?"

3-Instale o cancelador. "No futuro quando disser cancelado, tudo aquilo que lhe tenha dito será cancelado e não terá efeito sobre você. Qualquer sugestão ficará sem efeito."

4- Faça o preclear retornar a um período do passado.

5- Trabalhe com o preclear para obter dados. Um incidente que possa encarar facilmente. "Vá para o início desse incidente".

6- Faça com que o preclear retorne várias vêzes ao incidente e vá melhorando a história com mais dados. E vá reduzindo o incidente.Vá repassando o incidente até que o preclear esteja contente com o acontecido. Sempre diga "muito bem", "ok", "obrigado", "entendi", para deixar o preclear à vontade. Ao resolver cada incidente, passe para outro. Tente sempre descobrir incidentes que sejam anteriores ao abordado. Depois de haver esgotado os incidentes...

7- Traga o preclear para o tempo presente. Informe ao preclear que você vai terminar a sessão.

8- Assegure-se de que o preclear está em tempo presente.

9- Dê o cancelador ao preclear: "Cancelado"

10- Restabeleça ao preclear plena consciência daquilo que o rodeia. "Quando eu contar de 5 a 1 e estalar os dedos, você se sentirá desperto. 5, 4, 3, 2, 1." Estalar os dedos.

Este é o procedimento. Não tente fazer em casa sozinho, olhando no espelho. Qualquer problema, www.dianetica.org.br

Agora sou eu de volta. Os incidentes que nos perturbam, são chamados engramas, e quem se livra dos engramas, é chamado de clear (limpo, livre).
Este é o fundamento da Cientologia, ou seja, como nos outros posts, é esquecer o passado. Limpar o baú em filmes, com cápsulas ou numa igreja científica. E isto movimenta muita grana, e os cientólogos acham que são a solução para qualquer problema.
Isto nos leva a dois vídeos que tem circulado bastante por aí , que são "Quem somo nós" e "O Segredo".
Mas vamos falar a respeito mais à frente, pois quatro posts sem fotos, sem vídeos e nada de Ritz, tá ficando pior que horário eleitoral. Tem alguém aí?

Para que vcs saibam onde estão pisando, vai o símbolo da Cientologia.



E vamos dar andamento na igreja da santa, que é onde mora a grana, meu povo.

11 comentários:

Normitz disse...

Saint Bart, minha teoria é a seguinte: depois da decepção com os ideais iluministas (igualité, fraternité, liberté - tudo vira bosta) do final do séc. XVIII, a humanidade entrou de cabeça em endeusar o vil metal, tudo legitimado pela Revolução Industrial de XIX, ( a que, entre outras coisas, expulsou o nosso bom véio Cícero Jones pra cá.)
No final do século passado, sacou-se que grana só não adianta, pois nem só de matéria vive o ser humano. E nessas de procurar alimento pra alma, têm as furadas, as igrejas dos espertalhões proliferam, dando no que deu.
O meu alimento pro espírito sempre foi boa arte, boa literatura... sou Rita Lee desde criancinha.

Normitz disse...

Da série "Prazeres Proibidos", esqueci de um detalhe, Barte Coração: o Renato e seus Blue Caps tocavam na casa da minha tia em 73/74, em festinhas-família e adivinha quem era da banda nessa época? Michael Sullivan!
Ouvi muito "Yellow River", "My pledge of love" e outros bichos com eles.

Daniel Vieira disse...

Huhauhau

q Igreja hein

quanta grana.. famosos

mas ainda prefiro a Igreja dELA... ah é muito melhor e mais facil.. pra esquecer algo basta cantar... de preferencia ''tudo vira bosta''... pra o amor fluir bm junto ao sexo cante amor e sexo... pra me agradar cante doce vampiro.. para agradar a Dani cante Pagu.. para momentos dificeis cante Coisas da Vida... para os politicos cante Aviso aos Meliantes.. e tantas outras da Santa



ELA é ELA e mais ninguem mais é ELA... ah a naum ser nós msm..


Norma sim.. Dani, Fê, e tatas outras e outros q amam a ela..


''sou feliz por ser Ritólico''

vou colar no vidro do carro.. com a imagem da Santa em seu novo
templo ''Copa..

hehe

até mais Bart

P.S: Hoje no Jornal de Verão da MTV apareceu nada mais nada menos que Dona Rita, em seu novo templo, e respondendo a perguntas, ''HEY VCS QUE FORAM LÁ VIRAM DONA MARIA RITA? ELA ESTAVA POR LÁ...!!!''


AH COMO FOI BOM VER A NOSSA AMADA


e nas perguntas do povo pra ela.. um calsal ..acredite.. este é desinformado ou naum gosta de rita.. só estava lá pra aparecer na tv... entao este perguntou ''ONDE RITA PASSOU A VIRADA DO ANO (06/07) '' ah faça meu favor neh..


hehe

até mais

fernanda lee disse...

segui tim-tim por tim - tim .. kkkkkkkk

e agora ??
1,2,3 ...

nada de Ritz ..
aonde está o povo ... ??ahahahahahahahah

e já que eu fui encarregada da sacolinha vou manda o nº da conta pra que essa igreja saia logo .. orra meu ..

bjão
fefetz

Dani Lee disse...

Esse meu post vai ser pequenininho...

Nem sei quando foi o última vez que pisei numa Igreja, deixa eu lembrar....hummmmmmmm...é...bom..é que...ja faz tanto tempo que eu esqueci!
Eu sou devota da Santa Rita de Sampa...como, bebo, respiro e vivo RITA LEE.
Não sigo religião alguma, quer dizer, tenho meu lado espiritual....


Bart querem me internar, fudeu!
E coloca Ritz ai, estou com saudades, mas tudo que você escreve aqui eu não resisto hehehe.

Beeijos.


Dani Lee

Amanda disse...

To achando que religião é quase um prazer proibido...

Eu fui no show dos Mutantes! Posso deixar o link do meu blog pra quem quiser saber como foi a coisa?

bart disse...

É Normita, eu acho que coisas do espírito viraram moda porque resolveram colocar na mídia. Sempre existiu gente preocupada com isso, e na verdade sempre tem uma hora em nossas vidas que o botãozinho lá de dentro dá o alarme. Não dá pra ficar sem. Quanto a quem fatura com a fé dos outros, acredito que há de haver o juízo final, e ele mora na consciência de cada um, por isso não pode esquecer.
Uma vez fizemos uma pequena turnê aqui na região como Renato e Seus Blue Caps, onde minha banda fazia a abertura. O interessante é que acabada a história, Renato foi embora e esqueceu sua guitarra pra trás. Aí o Johnny foi ao Rio resolver umas coisas e levou de volta.
Fernandinha, você é infectada que nem o Obelix. Caiu no tacho. E prometo não contar onde você esteve no verão passado.
Dani, Ritz está numa fase "I want to be alone", por isso tenhamos paciência.
Amanda, você já devia ter deixado seu link. Aqui é território livre.

Fábio Vizzoni disse...

Salve, Bart!
Dona Carol Mendonça (membro da tribo das maluketes), munida de bloquinho e câmera, foi até o Parque da Independência representando o Música e Letra na volta dos Mutas.

O resultado tá aqui: http://www.musicaeletra.com.br/index.php?itemid=146

Abração!

Lucindo disse...

Eita, como esse Bart é culto no oculto...

Daniel Vieira disse...

ah naum tem recado pra mim....

:(

Edna disse...

Esse "Quem somos nós?" é a lavagem cerebral do ano. Ainda tem gente que leva a sério...